Parece, só parece

Parece que o sol lá fora
Anda meio cansado
E fica ali calado
Sem querer ir embora;

As horas vão demorando,
Os olhos começam a pesar
E já não se sabe o que se pensar
Senão nas sombras que vão chegando;

É como se houvesse uma bolha
Dentro do peito inchado
E o tempo resolvesse ficar parado
Enquanto cai a última folha

De uma árvore no inverno
Deixando apenas a saudade
Das folhas e frutos de verdade
De um verão que parecia eterno;

Parece quando a gente se esquece
De dizer bom dia
E como se não houvesse tanta alegria;
Mas parece, só parece.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s